Tipos de Materias de Vibradores

Atualizado: Set 9

Se nomes como ftalatos, silicone, jelly não estão muito claros para você, você pode ter um problema na escolha do seu novo sex toy.


Materiais é um dos assuntos que posso falar com muita propriedade, além de gostar bastante de química, trabalhei em uma empresa de plástico e borracha que me exigia constante e profundos conhecimentos sobre o assunto e sou a louca do sex toy então se prepara que vem textão.


Quando você entra em um Sex Shop se depara com muitas opções de cores, modelos e tamanhos diversos, você pergunta sobre potência, sobre opiniões pessoais e de outros clientes e sobre a qualidade do material, você pergunta?


Materiais Porosos x Não Porosos


Os brinquedinhos podem ser porosos ou não e isso implica diretamente com a qualidade dele e também com sua saúde, os brinquedos porosos tendem a ser mais macios, porém eles podem acumular sujeiras e bactérias que não serão totalmente removidas, já os brinquedos não porosos são mais rígidos e mais seguros, pois não tem risco de acumular sujeirinhas, pois a limpeza é mais efetiva.


Outra coisa que devemos saber é sobre os Ftalatos que são plastificantes, ou seja uma substância adicionada aos plásticos para deixa-los macios, transparentes e duráveis, porém ele não é permitido para com contato direto humano, pois é CANCERÍGENO, já faz muitos anos que ele foi extinto do uso dos brinquedos infantis, mas como a industria de sex toy não é regulada, manter o ftalato fora de seus produtos é de responsabilidade do fabricante, pode parecer absurdo, mas existe possibilidade de ainda hoje fabricantes usarem essa substância em seus produtos, saber sobre a marca e embalagens que contenha selos de produto livre de ftalatos já é meio caminho andado para sua segurança, escolha empresas que você conheça bem!


Se a textura super macia for um fator determinante para sua compra sempre use esse produto com camisinha

Todos os produtos macios são porosos e o melhor jeito de utilizar é junto com preservativo, para te proteger de resíduos que poderá ficar nele e que não será removido de forma adequada, podendo colocar sua saúde em risco futuramente.


Os materiais mais seguros são: vidros, metais, madeiras e silicone, eles não são porosos e são esterilizáveis.


Materiais comuns usados em sex toys


O SILICONE é um dos melhores materiais usado hoje, mantém temperatura do corpo, não distorce vibrações, é sedoso, consegue ser macio, pode ser esterilizado e limpo mais facilmente.


Mas atenção algumas empresas usam elastômetro e borracha termoplástica junto ao silicone ou pare dizer que é silicone, o resultado é material menos porosos mas não igual ao silicone e por isso não pode ser totalmente esterilizado


É difícil identificar se o material é silicone puro, mas se você observar que ele é bem liso e sem porosidade alguma tem grandes chances de ser só silicone.


CYBERSKIN é o material que se aproxima bastante da textura da pele humana, eu particularmente adoro esse material em próteses, são melhor que as comuns feitas em Polivinilico (que é mais rígido).


Se o vibrador tiver transparência provavelmente é o JELLY, como o nome já diz ele parece uma gelatina, bem macio, ele assim como Cyberskin precisa de cuidados para limpeza e armazenamentos que deve ser seguida de acordo com as informações do fabricante que estão na embalagem para que dure mais.


Apesar do nome VIDRO fazer parecer que esses vibradores são frágeis, eles são prova de quebra e feito de borossilicato, mas antes de todo uso sempre procure por arranhões profundos e rachaduras, caso houver descarte na hora, não utilize de maneira alguma.


MADEIRAS e PEDRAS também são utilizadas em sex toy, elas são preparadas e seladas para que fiquem seguras para uso, pode ser lavadas, mas evite brincadeiras em baixo d'água com elas.


O uso de METAL também é popular principalmente em plugs, coleiras e acessórios de castidade, podem ser levados em água quente e fria para brincadeiras de sensação, são bem resistente e muito higiênicos.


O plástico rígido ABS são opções baratas e também segura, quase que na maioria das vezes, pois os aditivos podem não ser, atente-se em cores muito exóticas e também em rebarbas, nesse caso não compre o produto, pois não é de qualidade.



Como identificar produtos que não são seguros


Cheiro forte e esquisito são indícios que tem coisa errada nisso aí, o silicone tem um cheirinho ao abrir a embalagem e não tem problema, mas se for aquele cheiro forte que perfuma o ambiente, não utilize de maneira alguma.


Resíduos oleosos saindo do produto depois de um tempo guardado ou ainda no primeiro uso também é um sinal de que há produtos ali dentro que não podem ser utilizados.


Se o preço for bom demais para ser verdade, provável que não seja verdade mesmo. Materiais de qualidade, com certificados são mais caros, não tem jeito.


Fabricante desconhecido ou embalagem sem informação é muito suspeito, todos querem que sua marca seja lembrada, caso ele não queira ou não tenha informações claras opte por não comprar.


A loja que será feita a compra também devem ser levada em consideração, como já disse anteriormente o setor não é regulamento então pode haver produtos ruins nas prateleiras de quem não sabe ou não está nem aí para o cliente, eu evito a compra de produtos nesses sites que qualquer pessoa vende qualquer coisa, além de você não saber quem está vendendo, não poderá trocar caso um mês depois o produto quebre.


O setor está mudando e quanto mais você souber sobre os produtos melhor eles serão, a melhor arma do consumidor é a informação, saiba mais sobre quem produz, quem te vende e sobre os produtos, assim você não será enganado. Compartilhe o texto.


Nos acompanhe nas redes sociais instagram e facebook. Fique por dentro das novidades!

Buscador de produtos

Podutos 

Marcas

  • S

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon
  • (11)973632807

  • São Paulo -Brasil

Minha Amiga Me Disse  tem direitos reservado e é proibida a reprodução do conteúdo